Associações do agronegócio ‘compram’ a causa da defesa ambiental

Sonia Racy

27 Outubro 2018 | 00h50

 

Em tempos de debate aceso sobre desmatamento zero e Acordo de Paris, associações do agronegócio da área do Cerrado lançaram cartilha sobre regularização ambiental.

O que querem? Atender à lei e aumentar a produção sem prejudicar o bioma. Nas contas da Abiove, a sojicultura pode crescer por ali durante mais 50 anos… sem desmatar.

Também a Bolsa volta
os olhos ao meio ambiente

Coincidência ou nçao, a B3 também decidiu olhar para o meio ambiente. Das 437 empresas listadas na Bolsa, 169 responderam à pesquisa Relate ou Explique – e 26% se programam para os Objetivos do Desenvolvimento Sustentável.

Leia mais notas da coluna:
Alguns da equipe da Fazenda podem permanecer com Guedes
Esquerda ‘tem de se reavaliar’, avisa Gabeira