Assembleia vota hoje sobre direitos das atletas trans

Sonia Racy

08 de outubro de 2019 | 12h04

.

ASSEMBLEIA LEGISLATIVA. / FOTO: MARCIO FERNANDES/ESTADÃO

 

Érica Malunguinho, deputada do PSOL na Assembleia Legislativa paulista, estuda emenda para projeto que proíbe participação de atletas transexuais em partidas oficiais no Estado de SP. Seu texto, que pretende derrubar o de Altair Moraes, do PRB, já passou na CCJ mas precisa, hoje à tarde, de quórum em três outras comissões para ir adiante.

O que a deputada pretende? Derrubar a ideia de que o sexo biológico seja o único critério para definição do gênero entre competidores. No essencial, ela defende regras já baixadas pelo Comitê Olímpico Internacional, que não exige cirurgia de mudança de sexo das atletas. A norma internacional limita-se, agora, ao controle da testosterona.

A ex-jogadora Ana Paula Henkel, que mora nos EUA, pretende estar presente à votação na Alesp. Ela diz que recebe ligações frequentes de jogadoras que, por medo de retaliações de movimentos LGBTQ+, não se opõem publicamente à liberação de mulheres trans no esporte.

 

LEIA MAIS NA COLUNA:

 

 

 

Tendências: