Arte e imagem

Arte e imagem

Sonia Racy

25 Outubro 2015 | 01h35

Foto: Paulo Giandalia

Foto: Paulo Giandalia

Há dois anos, depois de vender sua agência de publicidade, Silvana Tinelli tomou uma decisão: dedicar-se exclusivamente a atividades artísticas pelas quais sempre foi apaixonada – como fotografia, pinturas e cerâmica. Com a orientação do curador Eder Chiodetto, começou a estudar técnicas fotográficas de revelação do século XIX, montou um laboratório analógico em sua casa e produziu 40 imagens que resultam agora no livro Efêmero Perpétuo – de edição limitada, a ser lançado na Luciana Brito Galeria, dia 10. Para a ex-publicitária, todas etapas do processo foram e são profundamente realizadoras. “Sempre fui fotógrafa e poder me entregar a atividades lúdicas me deixa extremamente feliz”, ressalta a moça.