Após leniência construtora retoma obra em SC

Após leniência construtora retoma obra em SC

Sonia Racy

12 de janeiro de 2020 | 00h48


HIDRELÉTRICA SÃO ROQUE. FOTO: DIVULGAÇÃO

 

Com acordo de leniência fechado em novembro, a antiga Engevix, hoje Nova Participações, voltou a ter crédito na praça. Mais precisamente, US$ 90 milhões aportados pelo fundo norueguês Arctic para a retomada da construção da Hidrelétrica de São Roque, em Santa Catarina – que a Lava Jato paralisou, quando tinha cerca de 80% das obras concluídas.

Nas contas da nova empresa, a obra termina em 18 meses. Vai criar mil empregos e permitirá o pagamento dos financiamentos contraídos com o BNDES e o Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul (BRDE).

Cheerleader

Rosângela Moro se diverte com a “campanha” que lançou para o marido aderir ao Instagram. Ela postou foto do ministro da Justiça, Sérgio Moro, na sua conta, que tem 252 seguidores, e respondeu a alguns dos mais de 4 mil comentários recebidos – a maioria, de apoio.

Para quem disse “Se a patroa apoia, é meio caminho andado…”, a cônjuge de Moro respondeu: “Ai dele se não vier!” Em abril, Moro aderiu ao Twitter, onde já alcançou 1,8 milhão de seguidores.

Brecht no palco

Depois de temporada quente no Teatro Anchieta, no Sesc Consolação, a peça O Que Mantém um Homem Vivo?, de Brecht, volta aos palcos.

A nova temporada, no Tusp, começa dia 16. Com direção de Renato Borghi, direção de arte de Daniela Thomas e músicas, entre outros, de Kurt Weill e Jards Macalé.

Miolo Mole

Dispostos a levar para fora dos hospitais a bandeira das relações saudáveis, os Doutores da Alegria preparam a maior intervenção urbana de sua história. É o Festival Miolo Mole – que espera reunir 15 mil pessoas no Parque Villa-Lobos, em abril.

Na programação, shows de artistas convidados, interações com palhaços e “bobociclismo”, passeio de bike já tradicional no Recife.

Tudo o que sabemos sobre:

rosângela moroLava Jatoengevix

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.