Após cancelamento da CUT, CSP-Conlutas diz que vai levar greve adiante

Sonia Racy

05 Dezembro 2017 | 01h20

Os sindicalistas da CSP-Conlutas, que não concordaram com o recuo da CUT e da Força Sindical, juram que vão levar adiante a greve nacional prometida para hoje. Com apoio, entre outros, de petroleiros, metroviários de alguns Estados, professores e área administrativa de várias universidades federais.

Leia mais notas da coluna:

+ Pedro Barusco se livra da tornozeleira até o fim do mês

+ Filosofia da USP recebe carta de ameaças de suposto atirador