Apoio internacional

Sonia Racy

02 de outubro de 2014 | 01h01

Indagado pela coluna sobre a retirada do “apoio” de Mark Ruffalo a Marina, Fernando Meirelles explica que o ator americano não mudou de opinião quanto à candidata “no que tange a seu projeto para um desenvolvimento sustentável”.

E, ainda, que ele “reconhece a importância de Marina para a manutenção das florestas brasileiras”.

Internacional 2

O que aconteceu, segundo Meirelles, “é que Ruffalo saiu às ruas para se manifestar a favor do casamento gay. Então, não se sente coerente ao apoiar um candidato que não avance nessa questão”.

Para o cineasta, nenhum dos três candidatos à presidência defende o casamento gay no Brasil. “E justamente a Marina, que tem o projeto mais avançado para o grupo LGBT – apoiando, inclusive, a adoção por casais homoafetivos –, é quem está pagando por isso”, conclui.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: