Apoio

Sonia Racy

24 Setembro 2013 | 01h02

Ante a avalanche de críticas, Maria Bonomi arrumou um defensor de sua causa questionando o conteúdo da retrospectiva dos 30 anos da Bienal. “Não tem como falar sobre Bienal sem falar sobre ela”, diz Andrea Matarazzo, herdeiro de Ciccillo Matarazzo.

Maria foi o braço direito do fundador do evento. “Jogaram a história no lixo”, critica.