Apesar de briga, Cristovam Buarque segue fá de Paulo Coelho

Apesar de briga, Cristovam Buarque segue fá de Paulo Coelho

Sonia Racy

22 de setembro de 2017 | 00h35

CRISTOVAM BUARQUE

CRISTOVAM BUARQUE. FOTO: DIVULGAÇÃO

O desentendimento entre Cristovam Buarque e Paulo Coelho no Twitter – o escritor pediu sua exclusão da lista de e-mails da equipe de Cristovam – não diminuiu a admiração do senador por Coelho. “Só li um livro dele, mas alguém que vende livros pelo mundo tem obviamente algo a dizer. Só acho estranho seus livros pregarem tolerância quando Paulo Coelho não age assim.”

Leia mais notas da coluna:

+ Vaquejada segue liberada até segunda ordem, decide STF

Ministro e Marina ‘brigam’ sobre desmatamento em Nova York

 

 

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: