Anestesiados

Sonia Racy

09 de agosto de 2015 | 00h58

Entre integrantes da iniciativa privada, o acirramento da crise política bateu feio. O que se nota, ao conversar com banqueiros e empresários, é que a desconfiança cedeu espaço à desesperança.

Seja qual for o resultado deste grave embate, será necessário muito esforço para que voltem a investir. Não existe hoje, nos cenários possíveis, um “desfecho de futuro”,          como bem colocou um banqueiro. O que existe é um esforço “nacional” para “emplacar o menos pior”.

Anestesiados 2

Para se ter uma ideia do tamanho dessa “encrenca”, vai aqui um exemplo: conhecido representante do PIB convocou a direção do grupo há três semanas para redesenhar investimentos e projeções de faturamento. Redução de tudo em todas as áreas. Entre os “ingredientes” para esta reformulação, pediu-se avaliação das agências de rating sobre o impacto da… perda do “grau de investimento” sobre a economia do País.

Tendências: