Alta cúpula da Câmara reprovou modo como Fazenda tratou o caso CEF

Sonia Racy

24 Janeiro 2018 | 01h20

Pegou mal entre integrantes da alta cúpula da Câmara a maneira com que a Fazenda tratou o caso CEF.

Consideram que não houve o menor tato na abordagem da questão das demissões e da alteração de estatuto. “Além de contaminar a imagem da CEF de uma maneira geral, levantam-se dúvidas sobre toda a diretoria e gerência do banco, onde tem muita gente séria”, diz fonte da Câmara.

Episódio ainda vai
dar dor de cabeça

Acredita-se que este episódio – que vai dar muita dor de cabeça daqui para a frente – deve atrapalhar ainda mais a aprovação da reforma da Previdência.

População topa mexer em
aposentadoria de servidores

Pesquisas, aliás, indicam que a população não aceita a reforma previdenciária como um todo mas topa aprovar a parte restrita aos funcionários públicos.

Quem se habilita a colocar a proposta na mesa?

Leia mais notas da coluna:

+ ‘País precisa de um tsunami de gestão pública’, diz Fabio Ermírio de Moraes

+ Joaquim Levy escreve o primeiro artigo depois de deixar a Fazenda