Alegria de pobre

Sonia Racy

31 de agosto de 2013 | 01h09

E o PIB do segundo trimestre surpreendeu. Nem mesmo Guido Mantega esperava resultado tão bom. Não que essa alegria vá perdurar no terceiro trimestre – que já dá sinais claros de fraqueza. “Trabalhamos com um número levemente negativo”, contou José Roberto Mendonça de Barros, da MB Associados. Ele e boa parte dos economistas e consultores.

Foi Mantega a avisar Dilma, por telefone, às 8h de ontem, do bom resultado do PIB. A presidente comemorou.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: