Água….

Sonia Racy

20 de junho de 2015 | 01h12

Emílio Odebrecht, dono da maior empreiteira do Brasil, com ramificações pelo mundo todo, teve seu filho Marcelo, presidente da Odebrecht, preso ontem pela Operação Lava Jato. O que fez? Na condição de presidente do conselho do grupo, deixou Salvador, onde mora, para vir a São Paulo. Passou o dia na sede da empresa, localizada na Marginal Pinheiros, perto da ponte Eusébio Matoso.

Marcou presença.

…e vinho

Sergio Andrade, principal acionista da Andrade Gutierrez, fica pouco tempo no Brasil. Mora há mais de dois anos em Lisboa, onde comprou apartamento, e para lá transferiu sua residência fiscal. Otávio Azevedo, principal executivo de Andrade, também detido pela PF ontem, tem igualmente apartamento e residência fiscal na capital lusitana.

Foi capturado no pouco tempo que passava por aqui.