After hours

Sonia Racy

23 de agosto de 2011 | 23h01

Adriane Galisteu imaginou e Marco Raduan Filho transformou em realidade. A dupla (mais o sócio Daniel Goldberg, ex-Morgan Stanley) lança hoje o TalkFast, portal de ensino on-line de inglês. Um braço do ilang, produto voltado às escolas, desenvolvido por Raduan e Goldberg. Investimento? “É coisa grande, mas não posso dizer o tamanho”, explica o empresário. O projeto, aliás, surgiu de uma necessidade da própria Adriane.

O Marco é do ramo, mas você, Adriane… ninguém conhecia essa faceta tecnológica.

Adriane. É que eu não tenho! Demorei muito para me render à tecnologia. Mas desde que entrei no Twitter me apaixonei. Estou viciada. E comecei a pensar mais em tecnologia.

Marco. A Adriane teve a ideia. Um dia ela me perguntou se era possível fazer um site de ensino de inglês com as mesmas características de uma rede social, como o Facebook. O resultado está saindo do forno.

Ele foi feito pra você?

Adriane. Com certeza. Nunca tenho tempo. Agora, com o Vittorio (filho dela com Alexandre Iódice), menos ainda. E meu inglês não é tão bom quanto eu gostaria que fosse.

O que difere o TalkFast de outros sites de ensino on-line?

Adriane. O formato e os horários. E se a pessoa quer aprender, mas só tem tempo livre à 1h da manhã? No TalkFast ela escolhe esse horário. E entra num grupo específico.

Marco. Esse grupo estará sempre junto, acompanhando as aulas. O ensino é virtual, mas também pessoal. Você faz amigos. Funciona como uma minirrede social.

Parecido com o que você já oferece às escolas pelo ilang?

Marco. Sim, mas agora diretamente ao consumidor. E temos cursos a partir de R$ 39,90 por mês.

Adriane. Sem taxas, sem material, sem inscrição. É bastante democrático.

E em quanto tempo o aluno está falando?

Marco. Depende da disponibilidade. Quem estudar todo dia terminará em um ano e meio. Mas a maioria estará com o diploma em pouco mais de dois anos de curso.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: