Afinados

Redação

16 de junho de 2009 | 08h06

Se Lula e Sarkozy não se entenderam sobre indenizações às famílias do voo 447, pelo menos Celso Amorim gostou da conversa, em Paris, com Bernard Kouchner.

Acertaram sem problemas a vinda dos médicos franceses para ajudar nas autópsias.

Veja também:
mais imagensCaetano Veloso estreia show Zii e Zie no Credicard Hall
mais imagensCia. de Dança leva espetáculo para o palco do Teatro Sérgio Cardoso

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: