Afif pede apoio da OAB e vai ao STF ainda hoje em defesa das verbas do Sebrae

Sonia Racy

12 Setembro 2018 | 14h37

GUILHERME AFIF. FOTO PAULO GIANDALIA

Com apoio de cerca de dez associações ligadas ao comércio, Guilherme Afif vai à sede da OAB em Brasília, esta tarde, pedir apoio para o mandado de segurança que apresentará, ainda hoje, ao STF, com efeito suspensivo, sugerindo que se reavalie a MP que está tirando R$ 210 milhões do Orçamento do Sebrae para a criação da Associação Brasileira de Museus.

Entre outras, o presidente do Sebrae leva apoio da Confederação das Associações Comerciais, dos diretores lojistas e da Associação Brasileira de Bares e Restaurantes.

“O que queremos é buscar outros modos de ajudar no novo projeto dos museus. Do modo como foi feito há prejuízo e o impacto nos vários setores ligados ao Sebrae será enorme”, explicou à coluna.

 

Leia mais notas da coluna:
Sondado por ala do PSL, estrategista americano propõe um ‘Jair paz e amor’
FHC escreve a Toffoli para informar de ausência em sua posse