Abrigo

Sonia Racy

11 de novembro de 2011 | 23h08

Antonio Carlos Malheiros, da Coordenadoria da Infância e da Juventude do TJ, costura parceria com a Secretaria de Saúde. Quer agilizar, judicialmente, o encaminhamento, de jovens que saem dos centros de recuperação. Para abrigos ou novas famílias.

Muitos não têm lar ou não são aceitos de volta pelos pais.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.