A que ponto

Sonia Racy

09 Julho 2015 | 01h10

Hector Flores, fundador da cooperativa argentina La Juanita, surpreendeu ontem uma plateia de convidados do Santander para seminário em Madri. E não foi quando anunciou ter sido escolhido vice na chapa de Elisa Carrió para disputar a presidência da Argentina.

Foi quando chegou quase às lágrimas ao dizer que, para ele, não importa mais alguém ser de esquerda ou de direita, pobre ou rico, alfabetizado ou não. “O importante é… ser honesto.”