Para Herchcovitch, a moda nunca teve gênero

Para Herchcovitch, a moda nunca teve gênero

Sonia Racy

06 de maio de 2016 | 19h33

Foto: Felipe Panfilli

Foto: Felipe Panfilli

Alexandre Herchcovitch foi entrevistado pelo time da Vogue para a 3.ª edição da série Pineapple Talks, no restaurante Chez Oscar. Na sabatina fashion, o estilista falou de temas relevantes do mercado da moda — entre eles a preocupação atual das empresas de fast fashion com a qualidade das roupas, coisa que antes não as incomodava tanto. “Fiquei muito em cima da qualidade da coleção que fiz para a C&A. A tendência, no momento, vai além de design. Estão olhando para a durabilidade das peças.”

Ele falou também do movimento genderless,  a moda sem gênero — roupas que podem ser usadas tanto por homens quanto por mulheres. “Minha cliente mulher sempre comprou roupa de homem também. Nunca tive que mudar minha maneira de criar”, comentou o estilista no evento, que foi oferecido pela vodka Absolut Elyx.

Questionado por uma das presentes sobre por que não usa modelos plus size em seus desfiles, Herchcovitch respondeu: “Cada profissão tem seus requisitos. E ser modelo também tem. Ser magra é um deles”.