A Light é nossa

Redação

10 de outubro de 2009 | 10h41

A compra da Light pela Cemig está quase lá. Os sócios Andrade Gutierrez e Pactual acertaram: vão receber, cada um, R$ 770 milhões por suas respectivas participações no grupo carioca, dando à mineira Cemig, que já é dona de 25% da empresa, o controle da ex-estatal.

A Light, acreditem, vai voltar a ser do Estado. Só que do Estado de Minas.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: