Parada LGBT+ de São Paulo sentiu a ausência de Rodrigo Garcia

Paula Bonelli

20 de junho de 2022 | 12h46

Rodrigo Garcia, governador de São Paulo. Foto: Governo de São Paulo/Secom

Rodrigo Garcia, governador de São Paulo. Foto: Governo de São Paulo/Secom

A ausência de Rodrigo Garcia na Parada do Orgulho LGBT+, na avenida Paulista, neste domingo, 19, está sendo sentida na comunidade. Segundo uma liderança do movimento, o governador furou um ritual seguido por seus antecessores, além de ter ido no mesmo dia à festa junina no Centro de Tradições Nordestinas.

Questionado, ele disse que apoia a parada e que enviou representantes ao evento, os secretários da Justiça e Cidadania, José Fernando da Costa, e de Turismo e Viagens, Vinicius Lummertz.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.