A arte da joia

A arte da joia

Sonia Racy

19 de fevereiro de 2017 | 01h25

renata barros

Foi em Cuiabá, cidade onde nasceu, que a new joalheira Renata Barros ouviu de uma cigana que ela iria “trabalhar com coisas belas”. Na época, cursando faculdade de Administração, a moça não entendeu a mensagem. Passados dez anos da ‘profecia’, ela concluiu que a tal cigana acertou. Já em São Paulo, onde mora, ela trabalhou em uma joalheria famosa e lá despertou seu desejo de trabalhar com gemas. Sonho realizado: este mês ela inaugura a Vertali – marca de joias feitas a mão. “Sou muito exigente com a qualidade das minhas joias. Eu mesma escolho as pedras, uma a uma, e acompanho o trabalho dos ourives”, conta a Renata, que atende suas clientes em um charmoso ateliê no Itaim e pela conta da marca no Instagram.