MP monta ferramenta para modernizar o combate ao crime

Sonia Racy

05 de fevereiro de 2017 | 01h15

O MP paulista monta “ferramenta” ambiciosa para modernizar o combate ao crime organizado. O Sistema Informativo Antiorganizações Criminais vai compilar e cruzar informações sobre pessoas procuradas. Recursos? Em dezembro, foi assinado convênio de R$ 213 milhões.

O Siac terá ampla varredura. Como avisa o promotor Sebastião Pena, da Inteligência do MP – que toca o projeto –, programas de computador vão integrar dados do MP, do Prodesp, Receita, Coaf, Jucesp, telefônicas e até Google e Facebook.

E vão cruzar nomes, apelidos, fotos e relacionamentos com funções nos grupos criminosos, penas, empresas e patrimônio.

Caça 

O resultado? Uma vasta base comum de investigados que será compartilhada entre Gaeco, Gedec, Promotoria do Patrimônio, Promotoria Criminal. E a ideia, certamente, acabará chegando a outros Estados.

Recursos

ACM Neto promete novidades na festa na Barra, quinta-feira, onde anuncia novidades do carnaval de Salvador. Nas contas dos organizadores, ela vai custar R$ 50 milhões dos quais R$ 30 milhões já foram captados. Além da Skol, patrocina a festa a Air Europa. Prefeitura finaliza os detalhes para fechar também com o Itaú.

Em casa

Gilberto Gil já decidiu sua agenda do Carnaval. Passará a festa no camarote Expresso 2222 – que este ano volta ao seu lugar de origem, o Edifício Oceania, em frente ao Farol da Barra. E vai sair no tradicional bloco Filhos de Gandhi, com seus filhos e netos.

Mundo redondo

São tantas as crianças entre os frequentadores que o Museu do Futebol decidiu lançar o Espaço Dente de Leite – sala para a meninada até três anos.

Por enquanto, abrirá um fim de semana por mês.

Animador?

O TJSP pode ter tido o ano mais produtivo da sua história. É o que o tribunal concluiu depois de avaliar preliminarmente, o seu Índice de Atendimento à Demanda. Ele melhorou 19,3% no primeiro grau e 33% no segundo.

Tendências: