Entidades israelitas denunciam à PF vídeo antissemita

Sonia Racy

11 Janeiro 2017 | 00h15

A Conib e a Federação Israelita paulista foram anteontem à PF e à Delegacia de Repressão aos Crimes Raciais denunciar um grupo que, no fim de 2016, colou em um poste da Augusta um cartaz com os dizeres “Com judeus, você perde”.

Na ocasião, um rabino foi ao local, arrancou o cartaz e gravou um vídeo pedindo tolerância e questionando a postura dos autores. Em resposta, o grupo voltou ao poste e gravou vídeo em que chama os judeus de “cães” e grita: “Viva São Paulo, viva o povo paulista. Fora, judeus”.

Sem afeto

Foi parar no TJ paulista o conflito entre dois restaurantes… por uma sobremesa. O Paris 6 acionou o Freddie por concorrência desleal, chamando de “imagem original e singular” um item que o juiz descreveu como “um pequeno bolo com picolé na diagonal, calda e ingredientes diversos”.

A ação não prosperou. O tribunal mandou arquivar o caso.

Do Rappa ao solo

Marcelo Yuka, que acaba de lançar seu primeiro disco solo, decidiu: fará o show de lançamento em fevereiro, no Circo Voador, no Rio. E planeja, também, ir tocar no carnaval de Recife.