Urucubaca

Sonia Racy

18 de novembro de 2010 | 23h08

Houve problema, ontem, com as provas do Sistema de Avaliação de Rendimento Escolar (Saresp), aplicado pelas escolas estaduais, segundo antecipado no blog da coluna.

Descobriram-se 18 casos em Assis, nos quais a numeração das provas não bateu com o número do seu respectivo gabarito. Diretoria de ensino local tentou contornar o problema. Como? Copiando da internet cartões de resposta em branco. Ou seja, sem a numeração devida.

Paulo Renato, secretário da Educação do Estado, recebeu garantia da Vunesp que o percalço foi pequeno. E sem danos para nenhum aluno.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: