Um catálogo que vai virar referência!

Estadão

11 de abril de 2010 | 18h05

Quero comentar com vocês um pouco mais sobre o I Catálogo Livre do Teatro Infantil, lançado no mês passado no Rio e em São Paulo, com organização de Karen Acioly. Karen é figurinha ultra necessária para o crescimento e a valorização do teatro para crianças e jovens no Rio. Ela é uma batalhadora. Em 2003, criou o I Centro de Referência do Teatro Infantil. E já realizou sete versões do FIL, Festival Internacional de Intercâmbio de Linguagens.

O livro que organizou, e que promete ser apenas o primeiro de vários volumes, com parceria da Editora Aeroplano, da Funarte e do FIL, é extremamente útil para quem lida com esse setor das artes cênicas . Traz informações pertinentes sobre grupos de teatro infanto-juvenil espalhados por todo o Brasil (com endereço eletrônico de cada um), traz uma grande tabela com a lista e os endereços de todos os Pontinhos de Cultura do país, divididos por regiões, traz a íntegra de alguns debates que ocorreram no Rio sobre a produção de teatro infantil e, ah, traz uma bem bolada seção de autoentrevistas.

Isso mesmo, autoentrevistas. Pessoas de destaque da área fazendo perguntas para elas mesmas. Uma forma de você conhecer um pouco dessa gente que luta por um lugar ao sol nos palcos vespertinos do Brasil. Gente que apóia essa arte e a vê sem preconceitos.

Vale a pena ter esse catálogo. Procure mais informações de onde encontrá-lo no site da editora (www.aeroplanoeditora.com.br) ou  nos sites das grandes livrarias. Na Saraiva e na Siciliano, o preço é R$ 48.