Portuguesa lança camisa retrô em homenagem a Capitão

Estadão

12 Outubro 2012 | 18h02

Ninguém vestiu mais vezes a camisa da Portuguesa. Foram 496 jogos. Oleúde José Ribeiro, o Capitão, hoje com 46 anos, passou três vezes pelo clube. Estreou em 1988 e permaneceu até 1993. Depois ficou entre 1995 e 1997, e ainda voltou à Lusa para encerrar a carreira em 2004. Para homenagear o ídolo,  o time lançou uma camisa retrô em edição limitada.

À venda apenas na Toca do Leão, loja oficial da Portuguesa, no estádio do Canindé, a camisa custa R$ 69,90. Na manga esquerda, ela tem um brasão comemorativo, o número de partidas disputadas por Capitão e o nome Oleúde – que foi o jeito que o escrivão escreveu  Hollywood. Na outra manga, fica uma faixa de capitão. O brasão da Lusa, que fica ao lado esquerdo do peito, é acompanhado pela assinatura do volante, que foi bordada em fios dourados. Atrás, o nome do jogador é acompanhado do número cinco, que o acompanhou durante a atuação no clube. São apenas 496 unidades desta versão retrô.

A camisa é a primeira da Coleção Grandes Ídolos, série de uniformes especiais que a Portuguesa criou para homenagear seus craques. “Estamos em uma fase de resgate histórico do time”, afirma Fábio Porto, responsável pelo marketing da equipe. Ainda não se sabe quantas camisas especiais farão parte da coleção, mas a próxima deve sair antes do final de 2012. O próximo jogador contemplado provavelmente será Dener Augusto de Sousa, que começou a carreira no clube em 1991, mas perdeu a vida em um acidente de carro três anos depois.

Serviço:
Toca do Leão – Canindé
R. Comendador Nestor Pereira, 33, Canindé, 3229-7812

(Com colaboração de Míriam Castro)