UEFA na Record

Cristina Padiglione

25 de agosto de 2006 | 20h48

Pra que ficar esperando pelas migalhas do Brasileirão ou pela próxima Copa do Mundo?
Enquanto Bandeirantes e Record farejam um meio de quebrar a exclusividade da Globo nesse terreno e assim entrar em campo no Mundial da África do Sul, vale a iniciativa de abocanhar outras bandeiras.

A Record acaba de adquirir os direitos de transmissão da Liga dos Campeões da UEFA por três temporadas. É evento que faz efeito no ibope, pode apostar. Só entre as grifes brasileiras a desfilar em campo (eu disse desfilar, não necessariamente jogar), tem Ronaldinho Gaúcho, Edmílson, Zé Roberto, Adriano, Juninho Pernambucano, Fred, Roberto Carlos, Cicinho, Robinho, Ronaldo, Gilberto Silva, Vágner Love, Dida, Cafú e Kaká.

No dia 12 de setembro, 32 equipes iniciam a luta pelo principal título do futebol europeu.
A grande final da Liga dos Campeões da UEFA será decidida em apenas um jogo, que ocorrerá em Atenas, na Grécia, em 23 de maio de 2007.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: