Duelo estadual em território alheio

Cristina Padiglione

16 de outubro de 2006 | 00h59

A Bandeirantes é rede que se contenta, quando muito, com 5 ou 6 pontos na audiência coletada na Grande São Paulo.

Agora, animada com a audiência de 16 pontos obtida em São Paulo no debate entre Lula e Alckmin, resolveu estender à Paulicéia o encontro entre Sérgio Cabral e Denise Frossard, encerrado há pouco, rumo ao governo fluminense.
Não é prática comum transmitir duelo estadual em território alheio, mas aposta-se aí na vizinhança entre os dois estados e, claro, no interesse que o Rio de Janeiro terá no placar nacional do pleito presidencial.

Pelos dados do Ibope, a audiência média foi de 2 pontos em São Paulo, ou seja, 109 mil domicílios com TV.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.