Ranking do Ibope continua em mutação

Cristina Padiglione

05 de setembro de 2007 | 17h16

Os fãs do Silvio Santos vão chiar, já sei, mas ainda é tempo de o patrão delegar poderes naquele SBT e estancar a queda, vamos torcer.

Enquanto isso, a audiência se pulveriza de forma saudável por outras vias.

_ A Band assumiu a terceira colocação no balanço de agosto do Ibope, na faixa das 18h às 24h, desbancando, ainda que por décimos, o SBT na Grande São Paulo. Pesaram, a favor desse placar, as performances do “Jornal da Band”, “Brasil Urgente”, “Família Dinossauro” e, semanalmente, “Terra Nativa” (em especial por causa do concurso pela escolha de uma cantora country made in Brazil…).

_ O feito da Band sobre o SBT não vale para o PNT, o Painel Nacional de Televisão, nicho onde o SBT se orgulhava de ser vice-líder até julho passado. Em agosto, pela primeira vez, a Record assumiu a vice-liderança na média do PNT, de cabo a rabo, ou seja, das 7h às 24h.

_ Nesse quadro todo, a estabilidade da Globo mal se altera, mas o plim-plim, que sempre teve no domingo o ponto mais frágil de sua hegemonia, volta a ter a sentir o odor da concorrência no seu cangote. Faz um mês que o Domingão do Faustão oscila entre 18 e 19 pontos, sem chegar aos 20 na média. Gugu vem se recuperando, batendo ali nos 14, e logo na cola vem Tom Cavalcante, via Record, com 10 e 11 de média.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.