No estranho planeta dos seres audiovisuais

Cristina Padiglione

09 de setembro de 2008 | 15h44

A pergunta que Cao Hamburger lança com a série a ser anunciada amanhã, pelo Canal Futura, é:
De onde vem essa mania por imagens em movimento e onde ela vai parar? A considerar que qualquer beduíno hoje pode registrar uma imagem e jogá-la na esfera pública (leia-se internet), o ponto de partida é a democratização do audiovisual, que a tudo e a todos permite acesso.
Como indica o convite para a apresentação de “No Estranho Planeta dos Seres Audiovisuais”, Hamburger promete responder a essas questões com a ajuda de especialistas, a ver: além do beduíno, dois homens das cavernas, três espectadores comedores de pipoca e uma família iraniana.

Em 11 episódios, o programa é para 2009, mas uma pré-estréia está programada para o próximo dia 22, sob pretexto do 11º aniversário do Canal Futura.
E, só pra você ficar na vontade até lá, vale se divertir com o teaser da série, logo abaixo.

[kml_flashembed movie=”http://www.youtube.com/v/QkZTx8QibVY” width=”425″ height=”350″ wmode=”transparent” /]

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.