Epa, uma fumante bacana

Epa, uma fumante bacana

Cristina Padiglione

09 de maio de 2008 | 15h59

Disse aqui outro dia que cigarro em novela virou muleta cênica de vilão.
Não é novela, vá lá, é seriado. E “A Grande Família” é bem melhor que qualquer novela no ar atualmente.
O caso é que Marilda, a simpática personagem da Andréa Beltrão no terreno de Lineu e Nenê, tentava parar de fumar no episódio exibido ontem pela Globo. Para resistir ao cigarro, Marilda recorria ao consumo de cenouras. E, como sempre, a edição do dia foi ótima, do texto ao elenco e direção.
Não é à toa que “A Grande Família” atrai platéias de todas as classes sociais e faixas etárias, endossando sua presença entre os títulos mais vistos da TV brasileira. Espantoso é que o programa ainda consiga isso em seu oitavo ano consecutivo. É um fenômeno.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.