APCA elege os melhores de 2006

Cristina Padiglione

12 Dezembro 2006 | 00h29

Co-produção do canal HBO com a produtora O2 Filmes, “Filhos do Carnaval” receberá o Grande Prêmio da Crítica de 2006 na categoria de televisão, segundo os membros da APCA, Associação Paulista dos Críticos de Artes.

A eleição consumada há pouco elegeu também, na categoria TV:
* Lília Cabral como Melhor Atriz (pela novela “Páginas da Vida”, Globo);
* Lázaro Ramos como Melhor Ator (pela novela “Cobras & Lagartos”, Globo);
* Dira Paes na categoria Humor (pelo seriado “A Diarista”, Globo);
* “Central da Periferia”, de Regina Casé (também da Globo) como Melhor Programa;
* A série sobre Chico Buarque, de Roberto de Oliveira (DirecTV/Band), como Melhor Documentário;
* “As novas Aventuras do Menino Maluquinho”, da TVE, como Melhor Infantil.

Há dois anos a APCA tem em seu estatuto o critério de que seus membros não mais devem votar em jornalismo. É para evitar aquele negócio de colega votar em colega. De mais a mais, jornalismo não é arte e pronto.

Os nomes de Luiz Mello e de Wagner Moura (ambos pela série “JK”, da Globo), de Marcos Caruso (por “Páginas da Vida”) e de Gabriel Braga Nunes (pela novela “Cidadão Brasileiro”, na Record) foram mencionados na discussão sobre o voto em Melhor Ator.

Lília Cabral venceu por unanimidade.
E bem se falou também de “Antônia”, atual série da O2 na Globo, como merecedora de premiação. Acabou dando “Filhos do Carnaval”, também da 02, mas no canal HBO.

A APCA elegeu ainda os melhores do ano em Teatro, Teatro Infantil, Cinema, Música Popular, Música Erudita, Dança, Rádio, Literatura e Artes Plásticas.