Suspeita de plágio esvazia motoboy da novela

Cristina Padiglione

29 Setembro 2006 | 19h55

O motoboy de Daniel Oliveira, “enquanto” motoboy, bem que perdeu ritmo na novela das 7 da Globo, “Cobras & Lagartos”. Sutilmente, a atividade profissional do herói da história foi se ofuscando por outros recursos dramáticos.

Para quem não acompanhou o caso, deu-se que o autor, João Emanuel Carneiro, acabou por provocar um certo desgosto no cineasta Walter Salles, que tinha pronto um roteiro de filme em vias de destacar justamente um motoboy muito parecido com esse da novela. Como Carneiro teve acesso ao roteiro do filme, o cineasta viu aí uma coincidência excepcional e até ameaça de processo por plágio houve no início de “Cobras & Lagartos”.

A Globo nunca se manifestou sobre o caso. O autor, idem. Ninguém mais tocou no assunto. Mas que a função de motoboy perdeu espaço no folhetim, isso perdeu.