WhoCares, o projeto de Ian Gillan e Tony Iommi para a Armênia

Estadão

18 Abril 2011 | 16h06

Marcelo Moreira

Quando Ian Gillan (Deep Purple), Tony Iommi (Black Sabbath), Jason Newsted (ex-Metallica), Jon Lord (ex-Deep Purple) e Nicko McBrain (Iron Maiden) se reuniram para revitalizar um projeto beneficente para vítimas de um terremoto, jamais imaginariam que, pouco antes do lançamento de músicas para este projeto, o Japão seria devastado por tremores de terra fortíssimos e tsunamis.

O Japão não é a Armênia, e suportou, dentro das circunstâncias, as consequências sem que o país ficasse desmoronado e inerte como o Haiti, por exemplo. Ainda assim, se pudessem, os músicos ampliariam o projeto para estendê-lo também em benefício das vítimsa japonesas.

Liderados por Gillan e Iommi, os músicos se reuniram sob o nome de WhoCares, para  gravar duas músicas,  “Out Of My Mind” e “Holy Water”. É uma reedição do projeto beneficente “Rock Aid Armenia”, de 1988 para ajudar as vítimas do terremoto Leninakan.

A linha de frente do WhoCares: Ian Gillan (esq.), Nicko McBrain, Jon Lord e Tony Iommi

Recentemente, Tony Iommi e Ian Gillan viajaram para a Armênia para ver como o dinheiro arrecadado havia ajudado a comunidade local. Durante a viagem, eles visitaram uma escola de música e descobriram que ela está funcionando numa acomodação temporária, e que sua sede permanente ainda não foi reconstruída, mesmo 20 anos após o terremoto. Resolveram voltar ao estúdio para gravar novas músicas e assim, arrecadar mais dinheiro para a escola em questão.

A Armênia é uma ex-república soviética. Independente desde 1992, após séculos de domínio russo e turco, é um país encravado no Cáucaso, cordilheira entre a Rússia, a Turquia e o Irã, de população majoritariamente cristã em uma região com predomínio do islamismo. Seu território original, como era nos séculos XV e XVI, abrangia partes da Turquia, Irã e Azerbaijão. Hoje é apenas um quarto do que foi.

O território de 1988 devastou a região, ainda sob domínio soviético. As estatísticas a respeito de mortos nunca foram precisas. Variaram de 2 mil a 20 mil pessoas mortas. Na época, as imagens da tragédia foram tão chocantes que mobilizaram o mundo em várias ações humanitárias e de arrecadação de dinheiro em benefício das vítimas.

Uma dessas ações foi a criação do projeto “Rock Aid Armenia”, em 1989, sob a liderança de Gillan e Iommi, inspirados no “Hear ‘N Aid”, de 1986, criado por Ronnie James Dio também em caráter beneficente.

Entre as figuras que participaram da gravação de “Smoke on the Water”, do Deep Purple, em versão multiestelar, estavam os citados mais Bruce Dickinson e Adrian Smith (Iron Maiden), David Gilmour (Pink Floyd), Brian May (Queen), Keith Emerson (Emerson, Lake and Palmer), Rick Wakeman (Yes), entre outros.

Leia aqui mais sobre o projeto “Rock Aid Armenia”.  E aqui sobre a iniciativa de Dio em criar o Hear ‘N Aid.

As músicas de agora, o vídeo de “Out Of My Mind” e mais 30 minutos de um documentário estarão no lançamento de “Out Of My Mind / Holy Water” que chega às lojas no dia 6 de maio e também será lançado em uma edição de colecionador em vinil, que será fabricada com uma tiragem de apenas 1000 unidades numeradas.