Versatilidade domina novo trabalho de Jefferson Gonçalves

Estadão

06 Setembro 2013 | 12h00

Helton Ribeiro – revista Blues ‘N’ Jazz
Clique Para ampliar! Embora os CDs de Jefferson Gonçalves sejam excelentes, é no palco que ele mostra toda a força do estilo que criou, fundindo blues, rock, country e música regional nordestina. Seu primeiro DVD, “Encruzilhada ao Vivo” (que vem acompanhado de CD com todas as músicas) foi gravado em show no Rio de Janeiro, em dezembro de 2012.

O gaitista carioca incorpora mais um elemento à sua mistura, o chamado instrumental brasileiro (“Tudo azul”, do saxofonista Carlos Malta). Já “All along the watchtower” (Dylan) tem um trecho em ritmo de reggae e citações de ”Assum preto” e “Summertime”.

“Down in Mississippi” é a que fica mais perto de um blues tradicional. Em compensação, há a antológica versão “rastapé” de “Crossroads”. “Mellow down easy” cita “Get back” (Beatles) e, em “Big Jake” (Norton Buffalo), Jefferson brinca com os temas dos Flintstones e do Pica-pau.

Em “Don’t look back” o grande parceiro de Jefferson, Kleber Dias, tem mais espaço para solar à guitarra. Em outras faixas ele toca também violão e bandolim (além de ser o vocalista do grupo). A banda, que acompanha Jefferson há muitos anos, é totalmente entrosada: além de Kléber, Fábio Mesquita (baixo), Março BZ (bateria e metalofone) e Marco Arruda (percussão).

Mais conteúdo sobre:

Jefferson Gonçalves