Morre o guitarrista britânico Gypie Mayo

Estadão

24 de outubro de 2013 | 02h00

O Estado de S. Paulo

Aos 62 anos, morreu ontem, de causas não divulgadas, o guitarrista britânico Gypie Mayo, que militou nas bandas White Mule, nos anos 1960, e no grupo Dr. Feelgood, nos anos 1970. Foi co-autor de um hit da parada europeia do final dos anos 1970, Milk and Alcohol (de 1979).

Seu grande feito, entretanto, foi ter integrado, entre 1996 e 2004, uma reunião do lendário The Yardbirds – substituindo os guitarristas mitológicos que o antecederam: Eric Clapton, Jimmy Page e Jeff Beck (os outros dois integrantes eram os músicos originais, o baterista Jim McCarty e o guitarrista Chris Dreja). Chegou a gravar um disco com eles, Birdland, uma compilação de clássicos, alguns regravados com sua guitarra, como I’m Not Talking, Train Kept a Rolling, Shapes of Things e For Your Love.

Seu verdadeiro nome de Gypie Mayo era John Phillip Cawthra, e nasceu na Inglaterra em 24 de julho de 1951. A causa da morte ainda era desconhecida ontem.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: