'Love Will Tear Us Apart' é considerada a melhor música dos últimos 60 anos

Estadão

24 de junho de 2012 | 10h42

 por E+
Divulgação
Divulgação

A revista britânica New Musical Express (NME) elegeu as 60 músicas mais importantes dos últimos 60 anos, e o clássico Love Will Tear Us Apart, da banda britânica Joy Division, ficou no topo da lista. A publicação, que escolheu as faixas em comemoração aos seus 60 anos, é uma das mais tradicionais revistas de música do Reino Unido.

Os ex-integrantes do Joy Division ainda vivos – Bernard Sumner, Peter Hook e Stephen Morris – falaram sobre o impacto da música e a relação com o ex-vocalista do Joy Division, Ian Curtis, que se suicidou em 1980. “Eu pensei: ‘É, é uma música boa’. Alguém pode gostar”, disse Morris. “Era um período ótimo para a banda, mas na vida pessoal do Ian tudo ia mal. Eu honestamente não percebi que ele estava escrevendo sobre ele mesmo. Por isso é uma música um pouco difícil de ouvir hoje”, afirmou.

“Ian tinha duas faces, sua personalidade pública para a banda e os problemas que ele tinha em casa”, afirmou Sumner. “Nós não ouvíamos de verdade as letras”, disse. “Até hoje dá arrepios na minha espinha. Love Will Tear Us Apart finge ser uma música pop bonitinha, o que é uma de suas melhores ironias”, disse.

Confira abaixo as 10 primeiras músicas das 60 selecionadas pela NME:

1. Joy Division – Love Will Tear Us Apart
2. Pulp – Common People
3. David Bowie – Heroes
4. The Beach Boys – Good Vibratons
5. New Order – Blue Monday
6. The Stone Roses – She Bangs The Drums
7. The Smiths – There Is A Light That Never Goes Out
8. The Specials – Ghost Town
9. Dizzee Rascal – Fix Up, Look Sharp
10. Oasis – Wonderwall

Tudo o que sabemos sobre:

Joy DivisionOasis

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: