Little Willies: clássicos do country com verniz urbano

Estadão

29 Janeiro 2012 | 22h00

Roberto Nascimento

Norah Jones e sua banda The Little Willies fazem covers de clássicos do country com um viés retrô contemporâneo, um projeto despretensioso que data de 2003, quando a cantora reuniu-se com alguns craques da cena de roots-rock nova-iorquino para alguns shows na boate Living Room.

Dividindo os vocais com Richard Julian, acompanhada por Dan Reiser, na bateria e pelo veterano das gravinas Jim Campilongo, na guitarra, Jones revive composições de Johnny Cash e Dolly Parton com um ar de folk urbano.

A atenção à legitimidade das levadas é considerável, mas a essência metropolitana da banda não penetra a fundo nas direções líricas sugeridas pela maioria das músicas. Faz falta, por exemplo, brejeirice feminina em Fist City, clássico de Loretta Lynn em que a cantora ameaça esbofetear uma concorrente ao amor de um homem. A sensação que fica é a de que são primos da cidade passando um fim de semana no campo. Mesmo assim, Jones se destaca em Jolene, de Dolly Parton.

Mais conteúdo sobre:

Little WilliesNorah Jones