Guitarrista Tony Iommi, do Black Sabbath, é diagnosticado com câncer

Estadão

09 de janeiro de 2012 | 15h48

Estadão.com.br
Tony Iommi (segundo da dir. para a esq.) e a banda, que anunciou retorno no final do ano passado - Brendon Mc Dermid/ Reuters
Brendon Mc Dermid/ Reuters
Tony Iommi (segundo da dir. para a esq.) e a banda, que anunciou retorno no final do ano passado

SÃO PAULO – O guitarrista Tony Iommi, do Black Sabbath, foi diagnosticado com um linfoma, informou a banda na manhã desta segunda-feira, 9, em sua página oficial do Facebook. O músico de 63 anos tem a doença em estágio inicial, segundo comunicado, e “está trabalhando com seus médicos para estabelecer o melhor plano de tratamento”.

Ainda de acordo com nota, Iommi está otimista e determinado “a fazer uma recuperação completa e bem sucedida”. A banda pede que os fãs mandem energias positivas ao guitarrista.

O Black Sabbath, criado nos anos 60, se prepara para lançar em breve o primeiro CD inédito em mais de 30 anos. A previsão de lançamento para este ano está mantida e o grupo, que trabalhava em Los Angeles, irá para a Inglaterra para continuar gravando enquanto Tony Iommi está em tratamento.

Tudo o que sabemos sobre:

Black SabbathTony Iommi

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.