Gravadora relança 'In Utero', um dos maiores álbuns do grunge

Estadão

27 Setembro 2013 | 12h00

Daniel Fernandes – O Estado de S. Paulo

 

Detalhe da capa de 'In Utero' - Divulgação
Divulgação
Detalhe da capa de ‘In Utero’

Os fanáticos, e carentes, fãs do Nirvana que ostentam seus passaportes norte-americanos podem adquirir, a partir desta quarta-feira (dia 24), a edição comemorativa do álbum In Útero – o disco completa 20 anos em 2013 e o conteúdo é de primeira. A Super Deluxe Edition custa mais de US$ 120 na Amazon.com e entrega três Cds, um DVD e um material fotográfico caprichado da maior banda de todos os tempos (até 1993). No iTunes, versão semelhante custa US$ 40, mas vem ‘apenas’ com os registros sonoros.

O que não é pouco. São sessenta musicas e mixagens exclusivas de músicas como Milk It, Pennyroyal Tea e por aí vai. Há também disponível para download o show histórico de 1993 e que ficou conhecido como Live & Loud. Era então a maior banda de rock do mundo retornado para a chuvosa Seatle. O registro, histórico, permanecia com lançamento inédito até hoje e mostra a última grande apresentação ao vivo da banda. Depois…

Bem, o depois todos conhecem. O terceiro, e último disco da banda, representa um momento de transição entre o sucesso megalomaníaco de Smells Like Teen Spirit e a tentativa (saberíamos ser em vão em alguns meses) de Kurt Cobain resgatar a normalidade da (sua) vida. Ele não conseguiu. Mas deixou como legado um álbum que soa alternativo e pop ao mesmo tempo. Cru, denso, e permeado por melodias grudentas e inesquecíveis. Um clássico do rock e melhor álbum do então já desgastado Grunge

Era a tentativa de Kurt e do Nirvana pular fora. Não deu tempo. Em pouco tempo, e principalmente após a morte de Kurt, as camisas xadrez voltariam para os armários. Assim como as botas pesadas e as bermudas rasgadas. O rock ficaria sem graça durante muito tempo.

Mais conteúdo sobre:

Nirvana