Glenn Hughes inicia em São Paulo turnê pelo Brasil

Estadão

10 de dezembro de 2010 | 19h30

Marcelo  Moreira

Em novembro de 1999, Glenn Hughes tinha prometido uma surpresa aos brasileiros na sua terceira passagem pelo país. Com uma banda afiada, o ex-baixista e vocalista do Deep Purple e Black Sabbath tocou no antigo Tom Brasil, na Vila Olímpia, em São Paulo, a música “No Stranger to Love” pela primeira vez em sua carreira.

A faixa está no álbum “Seventh Star”, de 1986, lançado na fase mais turbulenta do Black Sabbath. O trabalho é execrado por Hughes, que odiou as músicas, o clima das gravações e o péssimo relacionamento com os empresários. Jurou que nunca daria atenção àquele trabalho n futuro.

No entanto, esse álbum, assim como “Born Again”, de 1983 – execrado tanto por Tony Iommi como pelo vocalista Ian Gillan, o vocalista da vez – são inexplicavelmente cultuados no Brasil e se transformaram em grandes sucessos. Por conta disso, e pelo enorme apreço pelos brasileiros, Glenn Hughes quebrou a promessa e executou “No Stranger to Love”, surpreendendo a todos.

Onze anos depois, a voz do rock, como é conhecido nos Estados Unidos, volta ao Brasil para uma miniturnê de quatro shows, o primeiro neste sábado, em São Paulo, no Carioca Club, no bairro de Pinheiros.

Será a quinta passagem por aqui, a quarta para fazer shows. Hughes dá um tempo no projeto Black Country Communion – onde toca ao lado de Joe Bonamassa (guitarra), Derek Sherinian (teclado) e Jason Bonham (bateria) – para fazer esse giro rápido pela América do Sul, incluindo a primeira vez em Porto Alegre.

A banda que o acompanha é bem diferente em relação às outras vezes em que esteve aqui. Sai o grande amigo J.J. Marsh, guitarrista e companheiro de Hughes desde os anos 90, e chegam três escandinavos: o dinamarquês Søren Andersen (guitarra), e os suecos Anders Olinder (teclados) e Pontus Engborg (bateria).

Na provável lista de músicas do show, mais novidades, a julgar pelas que ele tocou na recente turnê inglesa. Muitas das canções nunca foram executadas em passagens anteriores pelo Brasil, como  “Medusa”, do Trapeze, “Can’t Stop the Flood”, do Hughes Turner Project, “Don’t Le Me Bleed” e “Crave”, além de tocar aleatoriamentem de vez em quando, toca aleatoriamente a música “Jury”, Trapeze e “Beg, Borrow Or Steal” do Hughes & Thrall

Glenn Hughes em São Paulo

Sábado, 11 de dezembro às 19h
Pista 1º Lote: R$ 100,00
Pista 1º Lote com 20% de desconto: R$ 80,00(exclusivo TicketBrasil)
Mezanino 1º Lote: R$ 150,00
Mezanino 1º Lote com 20% de desconto: R$ 120,00(exclusivo TicketBrasil)
Pista Estudante1º Lote: R$ 50,00(exclusivo TicketBrasil)
Mezanino Estudante1º Lote: R$ 75,00(exclusivo TicketBrasil)
Informações:
11 3637-7911
Realização:
AWO Production
Local:
Carioca Club
Endereço:
Rua Cardeal Arcoverde, 2899 – Pinheiros – SP

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: