Focus retorna para seis shows no Brasil

Estadão

17 Fevereiro 2012 | 17h00

Marcelo Moreira

Antes mesmo da Alemanha ou da França, foi a Holanda que fez o mundo descobrir que existia rock fora da Inglaterra e dos Estados Unidos na virada dos anos 60 para o 70. O Focus, monstro do rock progressivo, surgiu nesta época mostrando que era possível fazer boa música popular fora da Comuidade Britânica ou da América.

Liderada pelo vocalista, tecladista e flautista Thijs Van Leer e pelo guitarrista Jan Akkerman, a banda holandesa conseguiu grande destaque a Europa misturando suas influências eruditas com o som praticado por Jethro Tull e Emerson, Lake and Palmer – e estabeleceu as bases para  surgimento de um rock progressivo europeu de qualidade, abrindo as portas para bandas alemãs, francesas e italianas de rock progressivo.

Quarenta anos depois de seu surgimento, o Focus hoje lembra de forma pálida a grande banda que foi ns anos 70. Com algumas interrupções na trajetória, a banda seguiu meio aos trancos e barrancos nas décadas seguintes arrastada por Leer como único membro original.

Formação de 2010, ainda como um quinteto. Leer é o do centro

Quando anunciou a sua primeira vinda ao Brasil, no final dos anos 90 já desfigurada, a banda de Leer foi vista com muita desconfiança, o que se refletiu no pouco público no show paulista. O problema é que a apresentaçãofoi magnífica e magistral, o que surpreendeu a todos.

O resultado é que o Focus voltou ao Brasil meses depois com status de banda consagrada e fez shows com lotação praticamente esgotada por onde passou. Desde então se tornou um hábito para o grupo holandês tocar no Brasil.

 A afinidade com o país foi tanta que um dos integrantes, Jan Dumeé, excelente guitarrista, engatou diversos projetos musicais por aqui, o que o fazia ficar por temporadas cada vez mais longas – “e prazerosas”, segundo ele – no Rio de Janeiro e em São Paulo. O êxito dos projetos brasileiros foi um dos motivos para o guitarrista deixar o Focus em meados da década passada.

Pois o Foscus está de volta ao Brasil para uma miniturnê de seis shows, com nova formação. Thijs Van Leer estará acompanhado por Menno Gootjes (guitarrra), Bobby Jacobs (baixo) e Pierre van der Linden (bateria), este remanescente da formação clássica dos nos anos 70 e que voltou há alguns anos ao time.

Em São Paulo, a banda toca no Carioca Club no dia 17 de março. Passa ainda por Belo Horizonte (9 de março), Pouso Alegre (MG, no dia 10 de março), Rio de Janeiro (14 de março), Goiânia (15 de março) e Votorantim (SP, 16 de março).

O grupo promete desta vez uma apresentação especial no Brasil, com a execução na íntegra do clássico álbum “Moving Waves”, que completa 40 anos em 2012 de seu lançamento. Além disso, faz uma prévia de seu novo álbum, “Focus X – Crossroads”, o qual contou com a presença do brasileiro Ivan Lins.

 

Focus tocando e gravando em estúdio de Londres, em 1973

SERVIÇO – FOCUS EM SÃO PAULO
Data: 17/3
Horário: 19h
Endereço: Rua Cardeal Arcoverde, 2899 – Pinheiros – SP

 

Informações: (11) 2359-3262 e (11) 7520-0721

INGRESSOS ANTECIPADOS PROMOCIONAIS

Pista Promocional Estudante: R$ 80

 

Pista: R$ 160
Camarote Promocional Estudante: R$ 130
Camarote: R$ 260

 

ATENÇÃO ESTUDANTES: Antes de adquirir o seu ingresso, confira como funciona a política de meia-entrada no link: http://ticketbrasi.lojatemporaria.com/meia-entrada. Caso você seja de outro estado, LEIA COM ATENÇÃO como funciona a meia-entrada em São Paulo.

 

 

 

PONTOS DE VENDA:

 

Ticket Brasil – www.ticketbrasil.com.br
Ingresso Rápido – www.ingressorapido.com.br

 

Bilheterias do Carioca Club – Rua Cardeal Arcoverde, 2899
Loja Die Hard (Galeria do Rock) – Rua 24 de Maio, 62

 

Mais conteúdo sobre:

Focus