Ex-guitarrista do Manowar toca em São Paulo

Estadão

09 de dezembro de 2011 | 12h00

da Equipe Combate Rock

Muito peso e bom humor esperam pelo paulistano no show de Ross The Boss, guitarrista que gravou alguns dos maiores clássicos do Manowar. O guitarrista norte-americano se apresentará pela primeira vez no Brasil amanhã, a partir das 18h, no Manifesto Bar, em São Paulo. O grupo, que é completado por Tarek “MS” Maghary (vocal, Majesty), Carsten Kettering (baixo) e Matze “The German Hammer” Mayer (bateria), promovendo o segundo álbum, “Hailstorm”, successor de “New Metal Leader” (2008).

Ross The Boss (Ross Friedman) começou sua carreira na banda The Dictators, mas ficou famoso com o Manowar, grupo com o qual registrou grandes clássicos, como “Battle Hymns” (1982), “Into Glory Ride” (1983), “Hail To England” (1984), “Sign Of The Hammer (1984), “Fighting The World” (1987) e “Kings of Metal” (1988).

Ao deixar a banda, o guitarrista ficou um tempo afastado da cena, voltando a chamar a atenção em 2005, quando se juntou aos ex-companheiros para um show especial. Não passou muito tempo até criar sua banda solo, que fez a estreia em 2008, com o álbum “New Metal Leader”. Sobre o Brasil, Ross The Boss se diz grato pelo apoio: “Sou muito grato aos meus fãs brasileiros e gostaria de dizer a todos que mantenham a fé no Heavy Metal. Nós estamos fazendo a nossa parte!”, declarou em nota ficial ivulgada pelops organizadores do evento.

Ontem ele tocou em Campinas, com abertura da excelente banda local Hellish War.

Serviço

Data: 10 de dezembro (sábado)
Horário: 18h
Local: Manifesto Bar
Endereço: Rua Iguatemi, 36, Itaim Bibi – São Paulo/SP
Fone: (11) 3168-9595
Censura: 16 anos
Entrada: R$ 70 (1º lote) – à venda no Manifesto Bar, na loja RockLand (Galeria do Rock – 3362-2606) e online através da www.ticketbrasil.com.br / www.ingressorapido.com.br
Convênio com Estacionamento (Rua Joaquim Floriano, 1137)
Acesso a deficientes / ar condicionado

Tudo o que sabemos sobre:

ManowarRoss the Boss

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.