Em carta, Axl Rose diz que não irá na cerimônia do Hall da Fama do Rock

Estadão

12 de abril de 2012 | 01h04

Luciano Borborema – Território Eldorado

Axl Rose confirma que não irá na cerimônia do Hall da Fama do Rock and Roll. Em uma longa carta escrita para a organização do evento e divulgada no site do Los Angeles Times, o vocalista dos Guns ‘N’ Roses rejeita o título e pede para não ser incluído na listagem do Hall da Fama.

Além disso, deixa entender que o maior problema nessa história foi a decisão da organização em escolher qual formação do Guns seria incluída para o museu. Será homenageada a formação clássica da banda, com o guitarrista Slash e companhia. Uma banda ou músico para entrar para o Hall do Fama deve ter lançado seu 1º álbum ou single há pelo menos 25 anos.

Além do Guns n’ Roses, Red Hot Chili Peppers, Laura Nyro, Beastie Boys, Freddie King, Don Kirshner, Donovan e Faces serão homenageados no Rock and Roll Hall of Fame deste ano. A cerimônia de entrega do prêmio será no dia 14 de abril em Cleveland, nos Estados Unidos. Leia carta de Axl Rose abaixo.


O Guns N’ Roses na sua formação clássico em um momento descontraído. (Reprodução)

 “Para: O Hall da Fama do Rock fãs do Guns e quem mais se interessar

Quando as indicações para o Hall da Fama do Rock and Roll foram anunciadas, eu tinha sentimentos distintos mas, me esforçando para ser positivo e encontrar o melhor para os fãs e seu entusiasmo, me senti honrado, empolgado e esperava que de alguma maneira isso fosse uma coisa boa. Claro que eu percebi que, da maneira como as coisas estão, se o Guns N’ Roses fosse incluído isso seria uma situação complicada e esquisita.

Desde então, ouvi os fãs, conversei com membros do conselho do Hall da Fama, me comuniquei com antigos membros do Guns N’ Roses e li vários de seus comentários públicos e alfinetadas (…) e li comentários de outros artistas dando suas opiniões sobre o Guns publicamente.

Sob estas circunstâncias, sinto que fui educado e aberto para uma solução amigável. Levando em consideração a história do Guns N’ Roses, aqueles que planejam ir à cerimônia e aqueles que o Hall, por suas próprias razões, escolheu incluir na ‘nossa’ introdução ao Hall (que para deixar claro são decisões com as quais eu não concordo, não apoio ou sinto que o Hall tenha o direito de fazer), e como aqueles envolvidos com o Hall lidaram com a situação… sem querer ofender ninguém, mas a Cerimônica de Inclusão no Hall da Fama do Rock and Roll não me parece ser um lugar onde eu serei quisto ou respeitado.

Para deixar claro, eu não sinto inveja de ninguém no Guns por suas conquistas ou por seu reconhecimento. Nem eu nem ninguém que trabalha para mim fez exigências ao Hall da Fama. Dito isto, eu não irei à cerimônia e respeitosamente declino minha introdução como um membro do Guns N’ Roses ao Hall da Fama do Rock and Roll.

Eu peço para não ser incluído mesmo ausente e por favor saibam que ninguém está autorizado a aceitar o título por mim ou a falar em meu nome. Nem nenhum antigo membro do Guns, nem representantes da gravadora, nem o Hall da Fama deve insinuar, direta ou indiretamente, ou por omissão, que eu fui incluído em qualquer suposta inclusão do ‘Guns N’ Roses’. Esta é uma decisão pessoal. Não é para ofender, atacar ou condenar. Mesmo sabendo que, infelizmente, haverá aqueles que se sentirão ofendidos.

Em relação a qualquer reunião de qualquer tipo, dos line-ups de Appetite [for Destruction] ou [Use your] Illusion, eu já deixei isso muito claro publicamente. Nada mudou.

Nesse momento, na minha opinião, a única razão para alguém continuar a pedir ou sugerir uma reunião, seja com a desculpa de ‘pelos fãs’ ou qualquer outra justificativa, seria para distrair dos nossos esforços com nosso line-up atual, formado por mim, Dizzy Reed, Tommy Stinson, Frank Ferrer, Richard Fortus, Chris Pitman, Ron ‘Bumblefoot’ Thal e DJ Ashba.

Parece haver uma quantidade sem-fim de revisionismo e fantasias por aí, pelo bem da autopromoção e oportunidades de negócios que mascaram a realidade. Até cada uma dessas geradas pelo line-ups anteriores sejam reveladas, não há espaço para considerar uma conversa quanto mais uma reunião.

Talvez se fosse com você, seria diferente. Talvez você aceitaria, por este motivo ou aquele. Paz, que seja. Eu amo nossa banda agora. Nós apoiamos um ao outro e adoramos nossos fãs e trabalhamos para dar a eles cada grama de energia que temos.

Então deixemos isso no passado. Está na hora de seguir em frente. Pessoas se divorciam. A vida não te deve seu próprio final feliz pessoal, especialmente se for às custas de outra pessoa, ou nesse caso, de várias outras pessoas.

Para encerrar, independente desta decisão e por mais difícil que seja de acreditar, eu gostaria de sinceramente agradecer ao conselho pela indicação e pelos votos para a inclusão do Guns. E mais importante, eu gostaria de agradecer aos fãs por ficarem com a gente durante estes anos, tornando possível qualquer sucesso que tivemos e apoiando a música do Guns N’ Roses.

Desejo ao Hall um ótimo show, meus parabéns a todos os outros artistas que serão incluídos e aos nossos fãs, estamos ansiosos para vê-los na turnê!!

Sinceramente,
Axl Rose

Tudo o que sabemos sobre:

Axl RoseGuns N' RosesSlash

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.