'É um absurdo', diz Paul Weller sobre retorno do The Jam

Estadão

13 de janeiro de 2013 | 16h07

LUCIANO BORBOREMA – Território Eldorado

Fãs do The Jam não devem contar com um possível retorno da banda. Em entrevista ao tabloide The Sun, o cantor e compositor Paul Weller classificou como absurda a volta da banda.

“Não passamos 30 anos juntos gravando discos ruins, o que é o caso de algumas bandas. De jeito nenhum essa reunião irá acontecer, é um absurdo. Três cinquentões pulando no palco juntos depois de todo esse tempo? Vamos deixar as coisas como estão”, disse.

Ainda de acordo com Paul Weller, ele admira a banda Rolling Stones pela longa carreira. “Eu tiro meu chapéu para eles, mas isso não é para mim, eu não conseguiria. Jagger é brilhante e espero que continua nos palcos enquanto for possível, mas eu não conseguiria fazer a minha carreira inteira  apenas com músicas antigas, ficaria louco”.

Weller revelou ainda que recusou uma oferta de milhões de dólares para se reunir com o The Jam. De acordo com Paul, essa fase de sua vida já passou. Afirma ainda que não retomaria o grupo apenas por dinheiro.

 

Tudo o que sabemos sobre:

Paul WellerThe Jam

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.