Duo Brothers of Brazil cai de cabeça no britpop sofisticado

Estadão

21 de agosto de 2012 | 12h00

Marcelo Moreira

Uma das boas novidades do pop rock britânico atual tem sotaque paulistano, muito bom humor e descontração. Os irmãos Supla e João Suplicy soam tão londrinos e cosmopolitas que o Brothers of Brazil, o duo criado por eles, poderia fazer bonito na cena roqueira inglesa dos anos 80.

“On My Way”, o segundo álbum dos irmãos, é recheado de boas ideias e é bem mais resolvido que o primeiro, “Punka Nova”. As influências brasileiras estão lá, como sempre, mas predominam as letras em inglês e as levadas de violão e guitarra que remetem a artistas cult como Style Council e Matt Bianco – não por acaso, grandes expoentes do movimento chamado de “new bossa” do pop britânico dos idos de 1985. E o resultado é bastante agradável.

Sem excessos, a produção é a grande responsável por deixar o som tão agradável e leve. Supla e João se encarregaram da missão, gravando nos Estados Unidos e obtendo uma sonoridade bem característica, com arranjos bem encaixados e letras bem sacadas.

As duas primeiras faixas, “On My Way” e “My Heart is Shattered”, dão o tom da obra, e aqui o destaque é o bom trabalho de guitarras, abusando do toque pop sem cair nas armadilhas tão características do gênero.

Entre os parceiros nas composições, o norte-americano Justin G. Tentler é o mais presente, coautor em seis músicas. A versão nacional tem outras surpresas: três bônus, sendo três faixas em português bem despretensiosas – uma delas escondida – e um quase rap, “Hey Playboy”, com letra irônica e espirituosa.

Mais conteúdo sobre:

Brothers of BrazilJoão SuplicySupla