De volta à cena, Joan Jett mostrou vigor no palco

Estadão

09 de abril de 2012 | 10h00

Felipe Branco Cruz e Pedro Antunes

Joan Jett andava sumida das rádios e fazia poucos shows. Até que, em 2010, a atriz Kristen Stewart deu vida à roqueira no filme The Runaways, que contou a história da primeira banda de punk formada só por mulheres, nos anos 70.

Resultado: Joan Jett voltou à cena. Por isso, não foi de se estranhar que garotas de, no máximo, 20 anos, que não tinham nem nascido quando Joan estourou, cantassem a plenos pulmões sucessos da cantora, anteontem, no Lollapalooza.

Joan sabia o que seu público queria. Para não perder plateia para outros palcos, abriu a apresentação com dois grandes hits: Bad Reputation e Cherry Bomb. A metade da apresentação foi seguida de músicas menos conhecidas e duas inéditas: T.M.I. e Reality Mentality. “São músicas tão novas que eu ainda não decorei as letras”, disse ela, justificando sua cola.

Faltando menos de meia hora para o início do show do Foo Fighters, o público começou a deixar o palco Butantã em direção ao palco principal. Mas a cantora ainda tinha uma carta na manga e sacou I Love Rock’n’Roll, um de seus maiores sucessos. Foi só dali a 20 minutos que Joan sairia do palco, mas com a certeza de ter agradado, em cheio, ao público.

 

Tudo o que sabemos sobre:

Joan JettLollapalooza

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: