Como o S.O.P.A. afetará a sua (nossa) vida

Estadão

21 de janeiro de 2012 | 06h49

O fechamento do site de compartilhamento e armazenamento MegaUpload pelo FBI, a polícia federal norte-americana, chocou a comunidade internacional e colocou mais polêmica a respeito do S.O.P.A., projeto de lei que tramita no Congresso dos Estados Unidos que pretende combater a pirataria virtual. O projeto está assustando muita gente no mundo inteiro porque daria um poder exagerado, segundo analistas, ao governo americano para retirar sistes do ar e prejudicá-los por conta da exclusão de links em sites de busca, entre outras coisas. Na prática, o governo teria um grande poder de censura. O site Whiplash, o melhor sobre rock em português, traz um interessante artigo a respeito do assunto, onde o autor tenta explicar de forma didática como a questão afetará a nossa vida, se o projeto for aprovado. Leia o texto a seguir:

Adriano Ribeiro – Whiplash

Aposto que este texto, por si só, não vai me colocar no Top 10 dos autores mais lidos da semana aqui do Whiplash.net. Muitas outras matérias, escritas por outros colaboradores receberão mais atenção. Isso é natural, afinal a maioria das pessoas lê apenas o que lhe interessa. Se o bandas/ironmaiden.html”>Iron Maiden está lançando um novo DVD ou se novas bandas estão sendo anunciadas no MOA, é o que basta para a maioria dos leitores, que certamente passarão batidos pela lista de novas matérias: “S.O.P.A.? Nem sei o que é isso, vou ler para que?!”.

Embora tenha sido elaborado em 2008, somente nos últimos um ou dois meses o assunto ganhou certa repercurssão na mídia não especializada. Grandes portais, como UOL, Globo, IG e Terra passaram a noticiar e exemplificar o que pode mudar em sua vida, embora ainda de forma muito tímida. Resultado óbvio: ninguém leu! E muitos, absolutamente muitos, foram pegos de surpresa anteontem com o protesto contra a aprovação deste projeto de lei da versão em inglês do Wikipedia, que foi propositalmente alterada, deixando todo o conteúdo fora do ar. Ontem, a ação contra o Megaupload estourou a bolha de vez. Agora todos sabem que o S.O.P.A. existe, mas ainda não têm muita idéia de como ele realmente pode impactar seu dia a dia, transformando o conteúdo disponibilizado na internet de modo tão radical, que muitos poderão preferir simplesmente deixarem de conectar à internet.

Não se trata apenas, como poderia se supor, de um projeto legítimo que proteja os direitos autorais e combata a pirataria online. Todos sabemos há tempos o quanto é danoso à indústria do entretenimento e do software o compartilhamento de material protegido por direitos autorais, embora praticamente todo mundo já tenha compartilhado ou se aproveitado de algum compartilhamento desse tipo de material. O problema é que os Estados Unidos, sim, o país que prega a liberdade acima de tudo, está prestes a controlar a internet mundial como se fosse a China, a Líbia, ou outro país onde a liberdade e os direitos individuais não são respeitados. Exagero?!

Vamos exemplificar: imagine que escrevo, como escrevi na semana passada, uma matéria sobre a nova música do Epica. De repente, o CD é lançado e um usuário qualquer publica nos comentários da matéria um link onde é possível baixar o álbum. O Whiplash.net tem algum controle sobre isso? Não, não tem. O espaço para comentários foi substituído há algum tempo, de um modelo próprio e moderado para um widget que permite postagem de comentários usando login do Facebook. Isso resolveu muitos problemas, a começar que não é mais necessária a moderação de comentários. Tendo um sistema próprio, o Whiplash.net é responsável por tudo que qualquer usuário publicar e, por este motivo, a moderação se fazia necessária. No novo modelo, não. Os usuários é que são responsáveis por seus próprios comentários, que não são moderados e muito menos endossados pelo Whiplash.net. Obviamente isso tornou todo o processo mais ágil. Antes, esperava-se horas ou até dias para ver algum comentário publicado, agora é em tempo real.

Retomando o raciocínio, um usuário postou um comentário contendo o link para o novo álbum do Epica. Rapidamente, a indústria do entretenimento faz a denúncia e o Whiplash.net passa a ser considerado como um site que distribui material não autorizado. A seguir, todos os resultados de busca no Google que apontem para o Whiplash.net são simplesmente removidos, o que significa que a partir daí nenhum novo usuário conhecerá o site através do famoso buscador. Isso resulta, a médio prazo, queda de audiência, que desencadeia queda de publicidade, que por fim resulta em queda de receita. Chegará uma hora que o João Paulo, fundador do Whiplash.net, finalmente vai se emputecer de trabalhar de graça e simplesmente acabar com o site. E por que?! Simplesmente porque UM usuário publicou um link não admitido pelo S.O.P.A.

Outro exemplo: Você é um cara legal, rico, que só compra produtos originais e paga tudo direitinho. Certo dia, você vai em um show, tira algumas fotos e as publica em um álbum do Facebook. Ao tentar acessar sua conta numa próxima vez, descobre que seu perfil foi excluído. O motivo?! Vai dizer que não leu, em seu ingresso, que é proibido filmar e fotografar o evento?! Absurdo?! Sim, eu acho. Sim, você acha. Mas embora pareça exagero, é exatamente o que pode acontecer. Duvida?!? Então te convido a “perder” 5 minutos de seu tempo para assistir o vídeo abaixo.

E nunca se esqueça: informação é tudo!

Tudo o que sabemos sobre:

internetS.O.P.A

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.