Blind Guardian prepara álbum com orquestra para 2013

Estadão

04 de agosto de 2011 | 17h00

Marcelo Moreira

Uma das bandas mais aguardadas do ano no Brasil é o Blind Guardian, banda alemã que faz um heavy metal tradicional com letras baseadas em histórias fantásticas, na maioria das vezes. Só perdendo em popularidade e vendas em sua terra natal para o maravilhoso Scorpions, a banda vive sendo questionando quando gravará um álbum com orquestra, já que vive abusando de aranjos orquestrais em muitas de suas músicas.

Pois não é que o vocalista Hansi Kursch revelou neste mês de julho, no site da banda, que esse projeto vai acontecer? O músico escreveu que o Blind Guardian está em contato com um escritor alemão Markus Heitz, “considerado o melhor autor de fantasia da Alemanha”.

“A maneira como ele tece em diferentes aspectos de seu universo esplêndido imediatamente me convenceu que a busca pela história certa para a nossa música tinha acabado. Embora a conclusão final desta união bastante incomum provavelmente irá nos manter ocupados até 2013, as coisas se tornam cada vez mais claras à medida que trocamos idéias. A criação de um cenário novo e o envolvimento de um conceito tão adequados são a moldura perfeita para esta ‘trilha sonora’, como hinos que têm surgido com o passar dos anos”, escreveu um empolgado Kursch.

O trabalho ainda está bem na fase inicial. Ao que consta na imprensa alemã, a banda e o escritor ainda nem se reuniram para discutir o tema do projeto, o tal “conceito”. Da mesma forma, não se falou em nomes de orquestras e regentes para trabalhar as músicas.

A notícia ruim neste caso é que o projeto banda e orquestra do Blind Guardian adia por tempo indeterminado em eventual terceiro álbum do projeto Demons and Wizards, que Hansi Kursch mantém com o guitarrista norte-americano Jon Schaeffer, líde do Iced Earth.

O Blind Guardian se apresenta no Brasil nas seguintes datas: em Porto Alegre (no dia 6 de setembro, no Opinião), em São Luís (Trapiche, no dia 8), em São Paulo (CTN, dia 9) e em Curitiba (Curitiba Master Hall, dia 10).  

A formação atual conta com Hansi Kürsch, Andre Olbrich e Marcus Siepen (guitarras) e Frederik Ehmke (bateria), sendo que o baixista é Oliver Holzwarth, atuando como convidado desde 1998. A turnê divuoga o disco “At the edge of time”, lançado em junho do ano passado.

Segundo entrevista do alemão no ano passado, em um site  inglês, os dois haviam começado a trocar as primeiras ideias para uma nova colaboração a ser finalizada, em princípio, no final de 2011. Desde então nenhum dos dois músicos toca no assunto. O Iced Earth deve lançar em outubro seu novo álbum, “Distopia”.

 

Tudo o que sabemos sobre:

Blind Guardian

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: