Baixista do Deftones morre após ficar anos em coma

Estadão

18 de abril de 2013 | 22h08

do blog Roque Reverso

 

Depois de ficar anos em coma, Chi Cheng, baixista do Deftones, morreu no dia 13 de abril, aos 42 anos. Embora tivesse apresentado sinais de melhora recentemente, ele estava em estado semiconsciente desde 2008, após sofrer um acidente de carro.

“O coração dele parou de uma hora para a outra”, destacou Jeanne Marie Cheng, mãe do músico, no site One Love for Chi, criado pela família para dar aos fãs notícias sobre Cheng. “Ele sabia que era muito amado e que nunca esteve só”, acrescentou.

O baixista estava sendo substituído por Sergio Veja desde o acidente de  carro. Dos sete álbuns de estúdio do Deftones, ele participou dos cinco primeiros: “Adrenaline” (1995), “Around the Fur” (1997), “White Pony” (2000), “Deftones” (2003) e “Saturday Night Wrist” (2006).

No dia 4 de novembro de 2008, em Santa Clara, na Califórnia, Cheng era o passageiro de um carro que se envolveu em um acidente que projetou o baixista para fora do veículo, já que ele não estava usando cinto de segurança naquele momento. Este detalhe nada desprezível o deixou em coma, lutando pela vida.

Tudo o que sabemos sobre:

Deftones

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: